quarta-feira, 27 de setembro de 2006

Cotidiano, Quotidiano.


Eu costumava dizer que "somos personagens de um jogo de RPG, e os jogadores estão em outro universo e nem sabem que realmente existimos". Às vezes parece que estamos enfrentando verdadeiras masmorras, mas nos nossos joguinhos de RPG esquecemos o lado monótono da vida.



Calmaria. Tranqüilidade. Monotonia.


Indefinição, mistério. Espera.


Dúvida. Focalização, indagação.


Lembrança, nostalgia... Alegria, diversidade.


Perigoaperreiodesespero. Semsaída


Acordo. Calma, ainda não acabou.


Listas, pilhas, infinidades.


Metáforas. Meias-palavras. Mensagens ocultas.


Abstração.


Nenhum comentário: