quinta-feira, 30 de abril de 2009

Intuições da Realidade


Nossa visão de mundo está ligada às nossas experiências, com o que já vivenciamos. Tem a ver com o fato de cada um de nós ser um observador parcial deste mundo.

Observadores parciais em vários sentidos, por exemplo, a questão da localidade ou não-localidade do mundo. Estamos acostumados a um mundo local, onde as relações de causa e efeito estão interligadas por alguma forma de contato ou influência de campo.

A estranheza da coisa é que nos experimentos da mecânica quântica alguns efeitos acontecem sem influência de contato ou campo, o que os cientistas chamam de realidade não-local.

Este tipo de comportamento faz com que a mecânica quântica seja difícil de entender e de aceitar. Tudo simplesmente vai contra muito do que entendemos como realidade.

Ao tomar conhecimento de alguns relatos sobrenaturais, ficamos tentados a crer neles, mesmo quando eles nos são estranhos ou distantes do que chamamos de realidade. Penso que alguns desses relatos podem ser ligados a manifestações de eventos da mecânica quântica no "mundo macro" onde estamos, mas não sei muito bem como isto pode ser possível nem explicado.

Algumas coisas que me aconteceram ultimamente tem me feito pensar sobre minhas posições e meu entendimento do mundo. É a minha eterna condição de mudança; estou agora questionando algumas bases da minha personalidade e debatendo comigo mesmo o que quero mudar.

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Estresse, xingamentos e desabafos


Hoje fiz algo que há muito tempo não fazia. Pensando bem, acho que nunca fiz isso: xingar em voz alta. Xingamentos me incomodam, é coisa de como fui criado. Mas hoje eu xinguei quando um carro passou jogando água em todos os que esperavam na parada de ônibus, eu incluso.

Em outras ocasiões semelhantes, eu xingava mais por esporte, dava tempo para traduzir e soltar um Scheisse ou feko em vez de falar em português. Hoje falei alto, em português e assustei uma mulher que estava ao meu lado, que também havia sido vítima.

Sim, estou estressado ao extremo, algo que raramente me ocorre. E este estresse vem de algo que pareço ter herdado de minha mãe: com uma certa freqüência muitas pessoas próximas a mim não fazem sua parte, e acabo trabalhando além do que deveria. É algo que vem desde a escola, e agora continua em alguns momentos no trabalho.

Nestes momentos, me vejo com poucas opções para relaxar; tento encontrar alguém que agüente minhas reclamações e que cuide de mim. Nessas horas penso que preciso de uma namorada com esta paciência e vocação pra mãe. E logo em seguida penso que isso não seria nada justo com ninguém. E a única candidata à vista também está com seus problemas, tanto que nem aparece online para eu alugá-la um pouco.

terça-feira, 7 de abril de 2009

Chamada de Trabalhos para o FLISOL Fortaleza 2009


O FLISOL (Festival Latinoamericano de Instalação de Software Livre) é o maior evento de divulgação de Software Livre da América Latina. Ele acontece desde 2005 e seu principal objetivo é promover o uso de software livre, apresentando sua filosofia, seu alcance, avanços e desenvolvimento ao público em geral.

Com esta finalidade, diversas comunidades locais de software livre (em cada país, em cada cidade/localidade), organizam simultaneamente eventos em que se instala gratuitamente e totalmente legal, software livre nos computadores levados pelos participantes. Também, paralelamente, são oferecidas apresentações, palestras e oficinas, sobre temas locais, nacionais e latinoamericanos sobre Software Livre, com toda sua variedade de expressões: artística, acadêmica, empresarial e social.

Em Fortaleza, o evento também ocorrerá no dia 25 de Abril de 2009, nas dependências da unidade Casa Brasil Vila União. Maiores detalhes na página do evento.

As atividades em sua grande parte serão selecionadas através de uma seleção pública de trabalhos. A submissão pode ser feita até o dia 14 de Abril através do preenchimento e submissão do formulário disponível aqui.